Artigos

Consumo de maconha reduz a capacidade de dirigir, diz estudo   Artigos sobre drogas e alcool - Site Antidrogas


Fumar maconha e dirigir nas próximas duas ou três horas após consumir a droga reduz consideralvemente a capacidade motora necessária para dirigir no trânsito com segurança. A conclusão foi obtida por pesquisadores alemães que investigaram os efeitos da droga entre os consumidores do cigarro. As informações são da revista alemã Focus.

Droga de consumo e venda ilegais na Alemanha, a maconha é fumada por cerca de três milhões de pessoas naquele país. Considerando este índice de consumidores, estudiosos de universidades alemãs investigaram o quanto a influência da droga afeta na redução dos reflexos motores na hora de dirigir.

O principal ingrediente ativo na cannabis sativa, o tetrahidrocanabinol, mais conhecido como THC, muda a habilidade cognitiva dos seres humanos. Mas por quanto tempo o efeito do THC pode impedir uma pessoa de dirigir com segurança ou comprometer a direção?

Para analisar os efeitos da maconha, que afeta memória e causa déficit de atenção, altera a capacidade de percepção no processamento de informações visuais, a capacidade de estimar as distâncias e o tempo e coordenação motora fina, os pesquisadores submeteram jovens das cidades de Nüremberg, Munique e Würzburg a entevistas e testes práticos.

Mais da metade deles relatou perceber que seus reflexos ficaram mais reduzidos minutos após fumarem em sentarem ao volante. Além da influência da quantidade que fumam, os consumidores relataram também que, até três horas após consumirem a droga, os reflexos não se mostram tão afetados .

"De duas a três horas depois de consumir maconha as pessoas têm uma significativa redução do risco de acidentes, porque se tornam mais cautelosas e conduzem mais devagar do que logo após consumirem a droga", explicou o cientista Mark Vollrath, professor de psicologia da Universidade Técnica de Braunschweig, ao cruzar os relatos dos entrevistados.

Para a obtenção dos dados, o professor também submeteu os voluntários do estudo a um simulador de trânsito de laboratório, semelhante a brinquedos de fliperama, método com o qual verificou as alterações causadas na maioria dos consumidores ao dirigir.

"Percebeu-se a influência da intoxicação aguda da cannabis reduzida conforme o espaço de tempo entre o consumo e a tomada da direção", disse Vollrath. Como resultados, o pesquisador concluiu que os jovens que estavam sob influência de THC tiveram reações mais alteradas no que diz respeito à capacidade motora e de atenção para dirigir. "Essa influência limitada a segurança rodoviária, sem dúvida", confirmou também Günter Berghaus, professor emérito de medicina legal da Universidade de Colônia e perito em segurança rodoviária.
Autor: Editoria Notícias
OBID Fonte: Terra







Publicidade









Apoio

Mauricar
Dando mais saúde à vida de seu veículo



Copiadora Campos
Art & Design

Toldos Campos
Toldos - Paineis - Adesivos