Artigos

Cresce nmero de pessoas que dirigem aps consumir lcool, diz governo  Artigos sobre drogas e alcool - Site Antidrogas



Jornal O Estado de S. Paulo
Duas a cada dez pessoas ouvidas por estudo tambm admitiram ingerir bebidas em quantidade excessiva
Lgia Formenti, O Estado de S.Paulo
Foto: Leonardo Soares/Estado

A associao entre lcool e direo voltou a aumentar no Pas
BRASLIA - Depois de um breve perodo de queda, a associao entre lcool e direo voltou a aumentar no Pas. Pesquisa feita por telefone pelo Ministrio da Sade em capitais brasileiras mostra que 12,9% dos homens e 2,5% das mulheres admitem dirigir depois de consumir bebidas alcolicas. Em 2013, um ano depois da criao da Lei Seca, os ndices entre o pblico masculino haviam cado para 9,4% e das mulheres, para 1,6%. " preciso verificar se a tendncia de aumento se confirma. Mas talvez o nmero possa indicar a necessidade de maior monitoramento da lei", afirmou a coordenadora geral de alimentao e nutrio Michele Lessa.

O ministro da Sade, Ricardo Barros, observou que o brasileiro est bebendo mais. Um estudo do sistema de vigilncia do ministrio, Vigitel, revela que, ano passado, duas em cada 10 pessoas entrevistadas admitiram a ingesto excessiva de bebida alcolica. Para mulheres, isso significa o consumo de quatro doses ou mais de bebidas por vez. No caso de homens, o excesso caracterizado pelo consumo de 5 doses ou mais. Em 2006, o consumo excessivo era indicado por 15,7% dos entrevistados.

O aumento ocorre em ambos os sexos. O ministro da Sade, Ricardo Barros, no entanto, chamou a ateno para a expanso do problema entre mulheres. Em 2006, 7,8% referiam consumo abusivo de bebida alcolica. Esse porcentual agora de 12,1%. " um aumento de 50%. No desprezvel. Mostra que as mulheres esto mais na cervejinha", disse Barros. Entre o pblico masculino, o consumo abusivo passou de 25% para 27,3%.

Barros afirmou ser necessrio reforar as campanhas de preveno contra o que ele define como "vcios tolerados pela sociedade." "A gente precisa insistir nisso. A campanha contra o tabagismo foi muito eficiente ao longo do tempo, se reduziu muito o nmero de fumantes. A de lcool no", comparou.
Fonte:UNIAD - Unidade de Pesquisa em lcool e Drogas







Publicidade








Apoio

Copiadora Campos
Art & Design

Toldos Campos
Toldos - Paineis - Adesivos





Mauricar
Dando mais sade vida de seu veculo