Notícias

Workshop Estratégico  Notícias sobre drogas e alcool - Site Antidrogas


O Brasil tem a meta de reduzir em pelo menos 10% o uso nocivo de álcool no país até o ano de 2025, conforme proposto no Plano de Ação Global para o Controle e Prevenção de Doenças Não Transmissíveis, da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em mais um encontro da série Strategic Workshops, a Pró-reitoria de Pesquisa (PRP) da USP e o Instituto de Estudos Avançados (IEA) - USP reuniram profissionais e pesquisadores dessa área para a troca de experiências que possam resultar em contribuições efetivas para o avanço das políticas públicas nesse setor.

Realizado no dia 8 de novembro de 2016, das 9h30 às 17h30, na Antiga Sala do Conselho Universitário, o encontro “Redução do Uso Nocivo de Álcool: Desafios e Oportunidades” foi aberto ao público e gratuito, também transmitido ao vivo on-line. O evento contou com a presença de 55 participantes presenciais e 85 on-line.

O Dr. Arthur Guerra de Andrade, presidente executivo do CISA e docente da Faculdade de Medicina da USP (FM-USP), coordenou o evento junto à Profa. Dra. Margarita Antonia Villar, da Escola de Enfermagem da USP de Ribeirão Preto (EERP-USP).


As atividades do Workshop foram organizadas em três módulos. No Módulo I, mediado pelo Prof. Ricardo Abrantes do Amaral, os convidados Prof. Brian Rush (Universidade de Toronto), Profa. Laura Helena Silveira Guerra de Andrade (FM-USP) e Dra. Paulina do Carmo Arruda Vieira (Organização dos Estados Americanos - OEA) discutiram o tema Uso nocivo de álcool. A mesa do Módulo II, mediada pela Profa. Maria Helena Prado de Mello Jorge (Faculdade de Saúde Pública da USP, FSP-USP), foi composta pelo Dr. Flavio Adura (Associação Brasileira de Medicina de Tráfego - Abramet), Dra. Vera Viviane Schmidt (Fundação de Amparo à Pesquisa de São Paulo - FAPESP), Profa. Vilma Leyton (FM-USP) e pelo Prof. Flavio Pechansky (Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS), que discutiram o tema Álcool e direção. Por fim, no Módulo III, os professores Margarita Antonia Villar Luis (EERP-USP), Divane de Vargas (EE-USP), Arthur Guerra de Andrade (FMUSP) e Zila van der Meer Sanches Dutenhenfner (Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP) debateram o tema Estratégias de enfrentamento, com mediação do Prof. Erikson Felipe Furtado (Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP, FMRP-USP).


O evento foi permeado por debates bastante produtivos e cumpriu a proposta de promover troca de experiências. Concluiu-se que, mesmo com a grande produção científica, a implementação de Políticas Públicas para redução do uso nocivo de álcool que sejam baseadas em dados acadêmicos ainda é escassa. Espera-se que esse evento tenha marcado o início de parcerias duradouras, que contribuam com o desenvolvimento de políticas públicas eficazes para a redução do consumo nocivo do álcool e cumprimento da meta proposta pela OMS. Em breve, vídeos completos dos três módulos serão disponibilizados no portal do IEA-USP.
Fonte:CISA - Centro de Informações Sobre Saúde e Álcool







Publicidade









Apoio





Mauricar
Dando mais saúde à vida de seu veículo



Copiadora Campos
Art & Design

Toldos Campos
Toldos - Paineis - Adesivos