Uma Pergunta, Uma Resposta

Qual a quantidade de álcool que uma pessoa pode ingerir?


Os efeitos do álcool variam de intensidade não apenas de acordo com a quantidade e a freqüência com que se bebe, mas também de acordo com as características pessoais do usuário.
Para saber as conseqüências do consumo das bebidas alcoólicas para a saúde é importante conhecer a quantidade de álcool puro que cada uma contém. Costuma-se chamar "unidade de álcool" o equivalente a cerca de 10 a 12g de álcool puro. Como a concentração de álcool varia de bebida para bebida, vejamos a quantidade presente nas mais consumidas no nosso meio:

1 lata de cerveja (355ml) - 1,5 unidade de álcool
1 copo de chope ou cerveja (300ml) - 1 unidade de álcool
1 copo de vinho (100 ml) - 1 unidade de álcool
1 dose de destilado (pinga, uísque, vodca) (50 ml) - 1,5 unidade de álcool
Cada unidade de álcool (10 a 12 g de álcool puro) requer uma hora para ser metabolizada completamente. Assim, por exemplo, uma pessoa que tenha bebido 4 chopes, (equivalente a 4 unidades) terá um efeito físico do álcool em seu organismo por 4 horas. No inicio estes efeitos são leves até atingirem o máximo, para posteriormente diminuírem. Porém a desintoxicação (cessação dos efeitos do álcool no organismo), só ocorrerá após algumas horas.
A quantidade de bebida, que implica em riscos para a saúde, é diferente para os homens e as mulheres e também varia em função do peso corporal (quanto maior for este peso, maior a tolerância para a bebida). As mulheres, por causa da proporção de gordura corpórea, atingem maiores níveis de concentração de álcool no sangue. De modo geral, considera-se que as mulheres correrão menos riscos de desenvolverem problemas de saúde, se ingerirem até 14 unidades de álcool por semana ou 2 por dia, enquanto os homens poderão ingerir até 21 unidades na semana ou 3 no mesmo dia. Vale ressaltar que nenhum consumo é isento de riscos e deve-se sempre levar em conta o contexto em que o álcool é consumido. Por exemplo, não se deve beber nada antes de dirigir ou de realizar atividades que coloquem em risco a segurança pessoal ou de terceiros (por exemplo, trabalhadores da construção civil, motoristas devem permancer sem uso de qualquer quantidade de álcool, pois qualquer quantidade pode implicar em risco).
A ingestão da cota semanal em um único dia pode trazer problemas tanto físicos como psicológicos. O consumo de 10 latas de cerveja (15 unidades de álcool) ou de uma garrafa de vinho (cerca de 7 unidades de álcool) em uma mesma ocasião, certamente ultrapassa os limites de risco tanto para homens como para mulheres, levando, frequentemente a problemas como acidentes de carro, absenteísmo, comportamento sexual de risco.

Fonte:Site Álcool e Drogas sem Distorção (www.einstein.br/alcooledrogas) / NEAD - Núcleo Einstein de Álcool e Drogas do Hospital Israelita Albert Einstein







Publicidade
Ajude-nos a manter o Site Antidrogas

Publicidade






Apoio





Mauricar
Dando mais saúde à vida de seu veículo