Megaoperação contra o tráfico de drogas no Rio prende 183

Desde o último dia 3, quando teve início, a operação Pressão Máxima, no Rio, realizou 183 prisões. O balanço foi divulgado pela Secretaria da Segurança Pública.

O objetivo da ação, que envolve 880 policiais civis, militares e federais, é combater o tráfico de drogas e o crime organizado.

Diariamente, 20 pontos da região metropolitana do Rio são ocupados. A polícia chegou a jogar sobre diversas áreas, por meio de helicópteros, cartazes com fotos dos principais traficantes procurados.

Durante a operação, a polícia também indica o telefone do Disque-Denúncia (0/xx/21/2253-1177) para quem tiver informações.

Nesta quarta-feira, as polícias estão nos seguintes locais: morro do Zinco, Cerro Corá, Camarista Méier, Manilha, morro da Providência, Andaraí, Jorge Turco, morro do Castro, Igrejinha/Grota do Surucuru, favela do Metral, Sapinho/Sossêgo, favela do Dique, morro do Jordão, Jardim Redentor, Bom Pastor, Vila Norma, Roquete Pinto, Rocinha, favela do Aço e Carobinha.

Fonte: Folha