A cola de sapateiro faz mal?

Faz muito mal, porque, entre tantas substâncias existente na cola, há o tolueno, que é tóxico e destrói os neurônios, diminuindo a capacidade intelectual e limitando, desse modo, a memória, a atenção, a concentração, o ânimo e a produtividade.

È preciso estar atento aos perigos da cola de sapateiro, pois, como se trata de um solvente, evapora- se facilmente e pode ser inalada de modo acidental. Mas, por acidente ou não, numa intoxicação aguda, seus sintomas aparecem em quatro fases.
1ª fase: euforia, excitação, tonturas, pertubações auditivas e visuais, náuseas, espirros, tosse, salivação, fotofobia e rubor na face.
2ª fase: depressão inicial do sistema nervoso central com confusão, desorientação, perda do autocontrole, obnubilação (visão embaçada e nebulosa), diplopia (visão dupla), cólicas abdominais, dor de cabeça e palidez.
3ª fase: depressão média do sistema nervoso central, incoordenação ocular e motora, ataxia, fala pastosa, reflexos deprimidos e nistagmo(movimento rápido e involuntário do globo ocular).
4ª fase: depressão profunda di sistema nervoso central, atingindo a inconsciência, que vem acompanhada de sonhos estranhos, podendo ocorrer convulsões.

Nos casos crônicos, surgem prejuízos na memória, na destreza manual (alteração na reação aos estímulos), cansaço, dor de cabeça, confusão mental, incoordenação motora, fraqueza muscular, quedas (provocadas por lesão dos nervos motores), lesões irreversíveis no córtex cerebral e lesões nos brônquios e nos rins.