Polícia identifica autor de duplo assassinato

A polícia da capital já identificou o homem que, na tarde de segunda-feira, baleou na cabeça Willy Ânderson Néri de Moura, de 26 anos, e Jalcemir Santos do Carmo, o Mr, de 28 anos, que estavam no interior do Pólo, placas HUJ 9653, no Ramal Belo Jardim, km 8, na BR 364.

O primeiro morreu no local, e o segundo, que deu entrada no pronto-socorro com morte cerebral, faleceu ontem de madrugada.

A afirmação foi feita pelo delegado André Luiz Monteiro, da 2a Unidade da Segurança Pública, responsável pelas investigações. “Já identificamos o assassino e não vamos divulgar seu nome para não prejudicar as investigações, sua prisão será questão de horas”, disse a autoridade.

A causa do duplo homicídio foi a disputa de uma fatia maior no mercado de drogas da capital onde os três envolvidos estão ligados.

Jalcemir dos Santos, o Mir, inclusive, já esteve no presídio por tráfico e era o responsável por abastecer vários pontos de vendas de maconha e de pasta à base de cocaína na capital.

Na segunda-feira, ele ligou para o amigo Willy Ânderson – quem dirigia o carro de sua propriedade – e, juntos, foram até o Ramal Belo Jardim onde teriam um encontro com o autor dos disparos que também estava no automóvel.

Segundo o delegado André Monteiro, já foram ouvidas testemunhas e não existe dúvida quanto à autoria.
Fonte: A Tribuna