Porão do Rock quer atrair mais de 100 mil pessoas em Brasília

mais tradicional festival de bandas da capital federal, o Porão do Rock, vai divulgar o programa do governo de combate às drogas. Em sua 7.ª versão, o festival apresentará 32 bandas nos dias 17 e 18 de julho, no estacionamento do Estádio Mané Garrincha. Dessas, 8 são conhecidas e as demais foram selecionadas entre 685 inscritas de todo País. Os organizadores esperam um público de 50 mil pessoas por noite.

“Quem abusa de drogas perde o show” é um dos slogans criados para o evento conhecido por projetar ou ressuscitar bandas de rock. Empolgado com a parceria, o secretário nacional Antidrogas, Paulo Roberto Uchôa, avalia que o festival é o “momento ideal” para informar sobre o uso de drogas, pois envolve jovens, música e alegria. O músico Ulisses Xavier, coordenador do festival, diz que a parceria com a Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) vai valorizar o evento e ampliar o número de patrocinadores.

Xavier observa que a linha de trabalho da Senad conquistou a organização do festival, por dar ênfase à informação sobre as drogas. “Antes, o discurso buscava amedrontar e não informar as pessoas sobre a questão do consumo de droga.” Orçado em R$ 1,5 milhão, o festival já projetou bandas como Rumbora e deu impulso a grupos como Maskavo Roots.

Foi na 2.ª edição do evento, em 1999, que a Plebe Rude, uma das bandas de maior projeção nos anos 80, voltou a se apresentar. O festival fez tanto sucesso que os seus organizadores criaram uma ONG com o mesmo nome para desenvolver projetos e ações sociais e musicais. A entidade Festival Porão do Rock já conseguiu a concessão de uma rádio comunitária no bairro da Asa Norte e pretende criar o Museu da Música de Brasília, num galpão cedido pelo governo do Distrito Federal.

Neste ano, o festival terá a participação do Rappa, Marcelo D2, CPM 22, Supla e Korzus. A lista das bandas que tentarão se projetar no festival inclui Carbona, do Rio, Cachorro Grande, de Porto Alegre, e Etno, D*Spero e João Ninguém de Brasília.
Fonte: Cruzeiro