Jovens são executados a tiros dentro de táxi

O envolvimento com tráfico de drogas é a provável causa dos assassinatos de Cleiton Conceição de Santana, 19 anos, e Rafael dos Santos Oliveira, 21, anteontem à tarde, no bairro de Cidade Nova. As duas vítimas foram encontradas no táxi Corsa Sedan de placa JOZ-1790, que teria sisido tomado de assalto na Avenida Barros Reis. Um terceiro jovem, conhecido como “Binho”, que também estava no carro, conseguiu fugir, mesmo baleado.

O duplo homicídio aconteceu por volta das 16h30, na Rua 1º de Dezembro, quando Cleiton, Rafael e “Binho”, chegaram no veículo Corsa. Populares contaram que um Gol branco entrou na rua e interceptou o Corsa roubado. Logo em seguida, três homens desceram do veículo e atiraram várias vezes contra os rapazes. “Binho” foi atingido na perna, mas conseguiu se livrar do fuzilamento. A delegada Celina de Cássi, plantonista da 2ª DP, contou que no bolso dos bandidos foram encontrados R$500, mas os autores das execuções levaram uma quantia maior.

Testemunhas afirmaram que o motorista do táxi era freqüentemente solicitado pelos ladrões para realizar “aviões” (transporte de drogas). Cleiton também estava sendo ameaçado de morte por um rapaz conhecido como “Val” que lhe cobrava uma antiga dívida de drogas. “No dia 23 de junho, desse ano, ele colocou a arma na cabeça de Cleiton, que se negava a pagar o dinheiro”, explicou um familiar do jovem assassinado. Agentes da 2ª DP dizem que Cleiton, Rafael e “Binho” realizaram um assalto, anteontem à noite, e que esse era o motivo pelo qual estavam com os bolsos cheios de dinheiro.
Fonte: Correio da Bahia