Mulher é presa com cocaína no aeroporto

Mais uma mulher foi presa por agentes da Polícia Federal no Aeroporto Internacional Pinto Martins, por tráfico de drogas. A caboverdeana Eurides Manuel Rocha, 28, estava com quatro quilos de cocaína pura escondida em pares de chinelos misturados a pó de café para despistar o cheiro da droga. Eurides foi autuada em flagrante por tráfico internacional e poderá pegar de 3 a 15 anos de prisão, acrescida de até mais dois terços da pena por causa do tráfico internacional. De acordo com a Polícia Federal, somente este ano, já foram apreendidos 90 quilos de cocaína no aeroporto de Fortaleza.

A prisão da acusada ocorreu na madrugada de sábado, quando Eurides Rocha tentava embarcar para Cabo Verde, na África. Desconfiados do nervosismo da caboverdeana ao fazer o check-in, os policiais fizeram a abordagem e encontraram a droga escondida entre as palmilhas dos chinelos. Os quatro quilos foram avaliados em R$ 80 mil pela PF. A droga provavelmente ia de São Paulo para Cabo Verde e depois para a Europa, onde o quilo da cocaína pode chegar a até R$ 50 mil.

Por causa das constantes apreensões de droga e prisão de mulas (pessoas que são contratadas por traficantes para transportar a cocaína para a Europa), este ano, a PF intensificou as vistorias no Aeroporto Internacional Pinto Martins. “Fortaleza tem sido ponto de embarque de mulas para o exterior. Mas estamos combatendo esse tipo de crime. Até agora mais de 20 pessoas já foram presas, sendo a maioria estrangeiros”, revelou o delegado federal Mauro Júlio Farias.
Fonte: NoOlhar