Mil alunos concluem programa contra drogas

Cerca de mil alunos de escolas públicas e particulares da Capital participaram ontem da formatura do Programa Educacional de Resistência à Violência e às Drogas (Proerd) do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM). No final do evento, realizado no auditório Araújo Vianna, as crianças, a maioria da 4ª série e com idades entre 9 e 13 anos, receberam um diploma de participação das aulas ministradas durante seis meses por policiais militares nas instituições de ensino. Eles cantaram o “hino do Proerd”, fizeram um juramento e participaram de um concurso de redação. Os vencedores ganharam bicicletas e um celular.

O Proerd é um projeto federal que se realiza em todos os estados brasileiros há dez anos, sendo seis no Estado. No Rio Grande do Sul são 45 mil crianças atendidas por semestre, sendo 6 mil em Porto Alegre, e mais de 600 policiais militares envolvidos. Os estudantes receberam durante seis meses a visita de um policial militar. Os monitores dão uma aula por semana sobre prevenção às drogas, civismo e cidadania. “Não há problemas com drogas em todos os colégios que participam do Proerd”, esclarece o major Júlio César Araújo Peres, coordenador do Departamento de Ensino da Brigada Militar. Além disso, ele destaca que o programa abre um maior canal entre a escola e a Brigada Militar. “Há um impacto na segurança. Mostramos que todos devem ter limites e eles aprendem a dizer não às ofertas de drogas”, disse o major.
Fonte: BOL