A partir de que freqüência considera-se que uma pessoa fuma muita maconha?

Cientificamente não há nada bem definido do que é fumar muita e pouca maconha. Podemos tentar fazer uma distinção entre uso ocasional, crônico e dependência.

O uso ocasional seria um uso eventual e esporádico, ou seja, a pessoa fumou em uma viagem mas ao retornar não consume mais a substância.

O uso crônico de uma droga, seja ela qual for, implica em um consumo mais freqüente, ou seja, a pessoa usa maconha semanalmente, diariamente, nos finais de semana e por um período de tempo maior (meses ou anos).

A pessoa se torna dependente de maconha quando o uso se torna intenso e descontrolado. A pessoa sente um desejo que pode ser muito intenso, por vezes irresistível de usar a droga e tem problemas decorrentes desse consumo.

O critério da quantidade não é determinante para avaliar se uma pessoa está tendo problemas com a droga. O mais importante a ser avaliado é qual a relação da pessoa com a droga, qual a importância desta em sua vida, o quanto esta afeta e prejudica o seu cotidiano, suas relações sociais e familiares, seus estudos ou trabalho, sua saúde mental e geral e etc.