Ex-traficante Escadinha é assassinado no Rio de Janeiro

O ex-traficante José Carlos dos Reis Encina, o Escadinha, foi assassinado na manhã desta quinta, dia 23, no Rio de Janeiro. Escadinha cumpria pena em regime semi-aberto e saía diariamente da cadeia para trabalhar numa cooperativa de táxi em Bangu. Seu carro foi atingido por vários tiros na Avenida Brasil, uma das vias de entrada do Rio de Janeiro.

Conforme o chefe de Polícia Civil do Rio, delegado Álvaro Lins, Escadinha pode ter sido assassinado por integrantes da quadrilha que ele ajudou a fundar na década de 80. Segundo Lins, a polícia vinha investigando Escadinha há quatro meses e diversos rádios de transmissão da cooperativa de táxi da qual o ex-traficante era sócio foram apreendidos com integrantes de uma facção criminosa rival, que atuava na comunidade onde ele foi chefe do tráfico na década de 80.

Outra hipótese, segundo o chefe de Polícia, é que Escadinha tenha sido morto por vingança, já que teria tido desavenças com o presidente da cooperativa de táxi.
Fonte: Clic RBS