Washington quadruplica aporte para luta antidrogas na Venezuela

O governo dos EUA aportará nos próximos três anos 12,5 milhões de dólares à luta da Venezuela contra o narcotráfico, o que representa uma média anual de 4,1 milhões, frente a 1,2 milhão que dá atualmente, foi informado nesta quarta-feira pela agência estatal de notícias Venpres.

A presidente da Comissão Nacional Contra o Uso Ilícito das Drogas (Conacuid), Mildred Camero, e o ministro conselheiro da embaixada dos EUA em Caracas, Alan Smiley, renovaram ontem um acordo antinarcóticos assinado em 2001.

Camero esclareceu que esses recursos não são entregues à Conacuid, mas “a apresenta os projetos de interesse comum e é a embaixada americano que administra os recursos”.

Smiley disse por sua vez que a ajuda econômica de seu país financiará treinamento de policiais e soldados venezuelanos em táticas antidrogas e compras de equipamentos para detectar entorpecentes.

A cooperação na luta contra o narcotráfico e a provisão de petróleo venezuelano são as áreas que estiveram excluídas das tensões entre as duas nações, que no campo político travam uma guerra de acusações.
Fonte: UOL