Roraima será beneficiado com dinheiro encontrado em avião

A decisão judicial é de 23 de abril de 2004, mas somente ontem foi divulgada a conclusão a que chegou o juiz federal Hélder Girão Barreto a respeito do dinheiro (dólares e libras esterlinas) encontrado dentro de uma sacola que estava num avião com suspeita de tráfico de drogas, supostamente abandonado em uma fazenda localizada na zona rural de Boa Vista no início do ano.

À época, o juiz Hélder Girão Barreto estava respondendo pela 2ª Vara Federal de Roraima. Como o dinheiro encontrado (U$ 619.630,00 e ? 364.890,00) e não foi reclamado, o juiz decidiu decretar o perdimento dos valores em favor da União, através da Secretaria Nacional Antidrogas (Senad), para serem usados especificamente no combate ao narcotráfico, recuperação de viciados e orientação.

Hélder Girão Barreto, no entanto, condicionou a transferência do dinheiro para o Fundo Nacional Antidrogas a dois itens: a transferência ou conversão em renda de 40% do valor total diretamente para a Superintendência da Polícia Federal em Roraima; transferência para o Governo do Estado de parte dos 60% restantes, dentro dos limites do convênio celebrado com a Senad.

Além disso, o juiz determinou acatou ainda o pedido da Superintendência da PF/RR para a utilização do avião bimotor prefixo PT-DUB (dentro do qual estava o dinheiro). O superintendente da PF/RR, portanto, ficou como fiel depositário da aeronave.
Fonte: Brasil Norte