Artigos “manipulados” foram publicados em revista científica

No fim dos anos 80, a indústria internacional do tabaco ajudou na criação da Sociedade Internacional do Ambiente Construído. Esta Sociedade publicava a revista Indoor and Built Environment.

Usando evidências obtidas da própria indústria do tabaco pesquisadores da Universidade de Sidnei, Austrália, examinaram as associações dos executivos da Sociedade e as companhias de fumo, e até que ponto a revista publicou documentos nos quais foi divulgado que a fumaça ambiental do cigarro seria tida como “favorável”.

Os resultados obtidos pelos pesquisadores foram publicados na revista The Lancet da semana passada.

Tendo como base as evidências apresentadas encontradas, os cientistas concluíram que existem indícios de que a indústria do tabaco poderia ter influenciado indevidamente o conteúdo da revista Indoor and Built Environment.

Fonte: The Lancet 2005; 365: 804-09

Bibliomed