Pesquisa traça perfil do estudante brasileiro com relação ao uso indevido de drogas II

 

Região Norte

 

Na região norte, o total de entrevistados foi de 10.030 estudantes, a maioria, 50,9% do sexo feminino e a faixa etária predominante foi entre 13 a 15 anos. A pesquisa aponta que, 21,6% dos estudantes da rede municipal e estadual de ensino já fizeram uso de drogas na vida. Entre as mais utilizadas estão o álcool, com uso na vida de 58,2% e uso pesado 5,0%; Tabaco com uso na vida de 26,1% e uso pesado de 2,5% e solventes com uso na vida de 14,4% e uso pesado de 0,7%.

 

Observou-se que a maioria  dos estudantes que fizeram uso na vida de algum tipo de droga (22,8%), tinha defasagem escolar de três ou mais anos que os que não apresentaram uso (15,4%).

Drogas mais consumidas*

Ranking

Homens

Mulheres

Maconha

Anfetamínicos

Cocaína

Ansiolíticos

Tabaco

 

Álcool

 

Energéticos

 

Esteróides Anabolizantes

 

* Uso na Vida

 

 

 

 

 

 

Região Nordeste

 

     

O nordeste  teve uma amostra de 15.474 estudantes, sendo a maioria do sexo feminino (52,4%). Na região, a defasagem escolar atingiu 54,4% dos estudantes entrevistados. Com relação aos tipos de uso, o sexo masculino se sobressaiu ao feminino em todos os tipos.

 

O estudo indica que, com relação ao uso na vida de drogas, 22,6% dos estudantes da rede estadual de ensino já fizeram uso de alguma substância na vida. A faixa etária predominante foi entre 13 a 15 anos.

Drogas mais consumidas*

Ranking

Homens

Mulheres

Maconha

Ansiolíticos

Cocaína

Álcool

Solventes

 

Tabaco

 

Energéticos

 

Esteróides Anabolizantes

 

* Uso na Vida

 

 

 

Fonte: OBID – Ano IV – Nº. 06 – Junho de 2005 – Secretaria Nacional Antidrogas