Desemprego, droga, álcool e pobreza afetam os portugueses

O desemprego, as droga, o álcool e a pobreza são os principais problemas sociais para os portugueses, segundo um estudo da Confederação Nacional de Instituições de Solidariedade divulgado nesta segunda- feira, 17/10.

O estudo, feito em 396 pequenas cidades e publicado hoje, 17/10, no jornal Público por causa do Dia Mundial contra a Pobreza, revela uma “reduzida capacidade de inovação” nas respostas sociais das instituições.

O documento, atribui essa carência ao fato de que as instituições de diferentes níveis se orientam sobretudo por critérios de facilidade na obtenção de apoios financeiros do Estado.

Cerca de 23.000 pessoas de Portugal participaram da pesquisa, que confirmou a idéia de que as zonas rurais estão pior providas de respostas sociais aos problemas, sobretudo à pobreza e ao analfabetismo.
Fonte: Último Segundo