Cientistas afirmam ter descoberto cura da dependência em cocaína

Nos últimos anos cada vez mais a cocaína é vista como uma droga da moda. Seu consumo provoca rápida dependência, cujo controle é até hoje um dos grandes desafios da ciência. Porém, uma equipe da Universidade de Genebra afirma ter descoberto um método para quebrar esse mecanismo.

Nos usuários de cocaína, a comunicação entre as células nervosas no cérebro é alterada. Mas, esse processo pode ser revertido, como mostraram os testes realizados com ratos pelos pesquisadores Camilla Bellone e Christian Lüscher e publicados na revista científica americana “Nature Neuroscience”.

Os pesquisadores observaram como o consumo de cocaína influencia a distribuição de receptores de glutamato nas células cerebrais, o que as torna permeável para o cálcio. Nos ratos a aplicação da medicação ativou em poucos minutos outros receptores. Dessa forma foi impedida a permeabilidade das células para o cálcio.

Segundo Christian Lüscher, o novo método dá esperanças para o desenvolvimento de um novo medicamento para tratar a doença. Possivelmente esse remédio poderá também ser utilizado em outros tratamentos de dependência, como a de álcool, anfetaminas ou mesmo de bulimia ou estresse.
Fonte:Swissinfo