São Paulo lançará selo indicando locais livres do cigarro

As pessoas em São Paulo que ficam incomodadas com a fumaça do cigarro e estão preocupadas com as doenças provocadas pelo tabagismo terão um forte aliado. No dia 29/08, a Secretaria Estadual da Saúde lançará o selo Ambiente Livre do Tabaco para estabelecimentos comerciais, prédios públicos e empresas interessadas em coibir o fumo em suas dependências. Quem entrar em um local com o selo saberá que não terá contato com as toxinas do tabaco e não será fumante passivo porque ali é totalmente proibido fumar, ou seja, fumantes não entram e também não haverá fumódromos.

A coordenadora do projeto, a médica Luizemir Lago, explicou que o selo, que não será obrigatório, terá o objetivo de garantir que o tabaco não prejudique a saúde de quem não é fumante. Restaurantes, shoppings, lojas, bares, empresas e prédios públicos serão sensibilizados e orientados a participar do programa. Aqueles que extinguirem o fumo em suas dependências serão premiados com o selo. Para receber o atestado, os estabelecimentos serão vistoriados por agentes da vigilância sanitária que confirmarão a inexistência do cigarro inexiste.

Luizemir acrescentou que “não adianta instalar fumódromos ou separar fisicamente fumantes de não-fumantes porque a fumaça não obedece às fronteiras, não sabe que não pode circular fora do ambiente estipulado e prejudica os pulmões de todos”. A poluição tabágica intoxica o organismo, inclusive das pessoas distantes da fumaça. Para ela, a única medida eficaz é não fumar em ambiente fechado, conforme determinam as Leis federal, estadual e municipal. A médica garantiu, por outro lado, que donos de estabelecimentos que aderirem ao selo não perderão a clientela.

Para ter direito ao selo, os estabelecimentos têm de estar totalmente livres da fumaça de cigarro em suas dependências. A Secretaria também orienta as empresas que desejarem aderir ao programa para que preparem campanhas de conscientização entre os funcionários. No caso de lojas, restaurantes e estabelecimentos comerciais, deverá ser afixado um aviso proibindo a entrada de fumantes.
Fonte: UOL – OBID