Três em cada 10 motoristas bebem antes de dirigir, revela estudo

Uma pesquisa da Universidade Federal de São Paulo – Unifesp mostra que três em cada 10 motoristas ainda ignoram o risco de consumir bebidas alcoólicas e logo depois assumir a direção de um carro. Os pesquisadores acompanharam operações policiais realizadas em 2006 e 2007 nas ruas de cinco cidades em noites e madrugadas de sexta-feira e sábado, quando mais se bebe. Submeteram-se ao bafômetro 4.054 motoristas. Desse total, 30,3% tinham alguma quantidade de álcool no sangue. E 19,3% tinham álcool no organismo em níveis superiores ao permitido por Lei.

De acordo com a legislação brasileira, o índice máximo tolerado é de 0,06 grama de álcool por 100 ml de sangue – algo como dois chopes, que são suficientes para comprometer os reflexos do motorista e levar a acidentes. Dirigir embriagado é uma infração gravíssima do Código Brasileiro de Trânsito. As punições incluem uma multa e a suspensão do direito de dirigir.

Das cinco cidades estudadas, as que mais tiveram motoristas com álcool no organismo foram Vitória, com 41,6%, e Belo Horizonte, com 38%. Os motoristas que aceitaram participar da pesquisa ainda responderam a um questionário, que mostrou que aqueles que mais bebem antes de dirigir são homens e solteiros e têm entre 21 e 30 anos.
Fonte: UOL – OBID