Governo quer discutir venda de bebida alcoólica nas estradas

O Governo Federal vai discutir com a sociedade, a partir de setembro deste ano, 2007, a venda de bebida alcoólica nas estradas e a propaganda desses produtos. A informação foi dada dia 23/08 pelo ministro da Justiça, Tarso Genro.

De acordo com Tarso Genro, em princípio o Ministério da Justiça já tem a proposta formal de proibição de venda de bebidas alcoólicas que será enviada ao Congresso por meio de projeto de lei ou medida provisória. De acordo com o ministro, a proposta será incluída no Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania – Pronasci.

O ministro citou o exemplo da cidade de Diadema – SP, que discutiu com a comunidade e comerciantes antes de implementar uma medida de restrição do horário de venda de bebidas alcoólicas, em 2002. De acordo com o ministro, houve uma queda nos índices de homicídio de até 70% na região, com cerca de 30 mil habitantes.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego, citados no site do Ministério da Saúde, 61% dos motoristas envolvidos em acidentes de trânsito no Brasil haviam ingerido bebida alcoólica. Por ano, segundo as informações da entidade, 35 mil pessoas perdem a vida nas ruas e estradas do País.
Fonte: A TRIBUNA DIGITAL (com alterações)- OBID