fbpx

Terapia ajuda a resgatar dependentes

Especialista diz que trabalho auxilia no desenvolvimento de novas habilidades e melhora a auto-estima

Caps.AD oferece terapia ocupacional durante tratamento oferecido pelo município .

DOURADOS – O trabalho de terapia ocupacional desenvolvido com pacientes do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD) tem ajudado a resgatar dezenas de pessoas dependentes. Em meio aos trabalhos, eles descobrem novas habilidades e recuperam a auto-estima. O assunto ganha espaço na mídia a partir de hoje, quando inicia a ana Nacional Antidroga.

A terapeuta ocupacional do órgão, Vanessa Regina da Silva, conta que o Caps existe com o objetivo de oferecer atendimento às pessoas que fazem uso intensivo dessas substâncias e que desejam abandonar a dependência.

“Grande parte de nossos pacientes são pessoas que estão sofrendo prejuízos afetivos e financeiros por conta do vício e resolveram buscar ajuda. Nem todos os casos são para internação, na verdade a maioria não é. Com os trabalhos que desenvolvemos aqui e a força de vontade do paciente, é possível vencer a dependência”, afirma a profissional.

Vanessa declara que a terapia ocupacional é uma modalidade prevista pelo Ministério da Saúde, para o tratamento de pessoas dependentes químicas. “Durante os momentos, o paciente além de descobrir novas habilidades, se sente útil e aprende novas atividades que traz satisfação sem causar prejuízo à saúde”, enfatizou.
A terapeuta conta que a maioria dos pacientes são homens entre 30 e 40 anos, separados da família, que estão afastados do trabalho e com baixa auto-estima.

“O álcool e o cigarro são portas de entrada para outras drogas mais fortes. Muitas pessoas procuram o Caps em busca de internação. Os que têm necessidade passam pela avaliação e depois pelos encaminhamentos. Os demais participam das atividades que oferecemos na casa”, diz Vanessa.

O Caps.AD de Dourados completou quatro anos de trabalho em maio deste ano. Atualmente o órgão oferece atendimento com psiquiatra, médico generalista, psicólogo, assistente social, terapeuta ocupacional, monitores e auxiliar de enfermagem. O Caps.AD está localizado na rua Hilda Bergo Duarte, 865, centro. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 3411-7778.
Autor: João Rocha
OBID Fonte: O Progresso – MS