80% dos fumantes adquirem o vício antes de completar 20 anos

Pesquisa realizada em Campinas apontou que 80% dos fumantes da cidade adquiriram o vício com menos de 20 anos e 42,5% antes dos 15 anos. Entre a população de Campinas com mais de 18 anos, 22,7% são fumantes. Os dados apresentados pela Secretaria de Saúde de Campinas fazem parte do livro “As Dimensões da Saúde – Inquérito Populacional em Campinas”, e estão sendo enfatizados para marcar o Dia Nacional Sem Tabaco, comemorado hoje.

O livro contém os resultados do inquérito multicêntrico de saúde, realizado por pesquisadores da Faculdade de Saúde Pública e Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), da Faculdade de Medicina da Unesp-Botucatu e do Instituto de Saúde da Secretaria de Estado da Saúde.

A análise feita na publicação ainda aponta que entre os fumantes com mais de 18 anos, os homens são a maioria e os dados de Campinas são próximos dos observados em São Paulo. Ainda considerando o município, segundo a escolaridade, a pesquisa apontou que o tabagismo é mais freqüente entre as pessoas com menor escolaridade, tanto homens como mulheres. O índice de fumantes entre os homens com menos de quatro anos de estudo foi duas vezes e meia maior que a observada nos de maior escolaridade. Entre as mulheres com baixa escolaridade, 47,19% fumam, quase seis vezes mais que as com doze anos ou mais de estudos (8,11%).

Em Campinas, existe uma forte associação entre o tabagismo e a precariedade das moradias, prevalecendo os fumantes entre os moradores em barracos de ambos os sexos, sendo 79,8% dos homens que residem nestes locais. “Vinte e dois por cento da nossa população é hipertensa, sendo que este índice é maior entre as pessoas com menos de quatro anos de escolaridade – 29%. Estas informações explicam as milhares de mortes por doenças cardiovasculares todos os anos. E apontam a necessidade de sermos mais agressivos nas nossas políticas de prevenção”, afirmou o secretário José Francisco kerr Saraiva.
Autor: Maria Ângela Alves
OBID Fonte: Todo Dia – Americana – SP