Dobra o número de atendimentos a dependentes de álcool em São Paulo

Levantamento realizado pela Secretaria de Estado da Saúde entre os anos de 2004 e 2007 aponta um crescimento de 119,45% no número de atendimentos de pessoas em busca de tratamento contra o vício do álcool. Somente em 2007, os 47 Centros de Atenção Psico-Social (Caps) que atendem dependentes químicos realizaram 321.162 atendimentos. Em 2006 o número foi de 267.582. Em 2005, 225.375 e em 2004 o número de atendimentos foi de 146.344.

A busca por tratamento contra o alcoolismo tem aumentado inclusive entre aqueles em que o vício já chegou a pontos extremos. O número de atendimentos de cuidado intensivo, ou seja, que demandam atendimento diário, saltou de 125.262 em 2004 para 283.552 em 2007, uma alta de 126,4%.
Autor: Seção Notícias
OBID Fonte: Revista Hosp