Administração tira o álcool da Festa Junina

No mês de maio a administração do Sudoeste/Octogonal realizará a festa Forró sem Álcool. A festa da família. No evento não será permitida a comercialização de bebidas alcoólicas. Essa iniciativa visa ampliar o combate às drogas lícitas. Para o administrador regional Nilo Cerqueira, essa simples atitude vai tornar o ambiente mais seguro e tranqüilo para as famílias que desejarem comparecer ao evento.

A festa será realizada no estacionamento do Terraço Shopping, nos dias 22/23/24 de maio. É prevista a apresentação das quadrilhas, na primeira etapa do circuito de quadrilhas juninas do DF, do grupo de dança Pelinsky e de mais 50 barracas com comidas típicas, entre outras atrações características de um evento do gênero.

A festa foi pensada especialmente para as famílias brasilienses, com as danças típicas que animarão o público e o farão dançar ao som de um bom forró pé de serra. No último dia das comemorações está previsto o resultado da primeira etapa do circuito de quadrilhas.

De acordo com o administrador do Sudoeste/Octogonal, Nilo Cerqueira, a festa deste ano possui todas as chances de superar aquela que foi promovida no ano passado, também bastante animada.

“Para a Administração Regional, promover uma festa com o objetivo de combater o consumo de drogas lícitas é de fundamental importância para o bom desenvolvimento da região. “Além da campanha conseguiremos reunir as famílias”, diz o administrador Nilo Cerqueira.

O combate ao abuso do álcool tem sido alvo de uma campanha promovida pelo Jornal da Comunidade, em seu caderno Educação e Ciência, tendo em vista os malefícios que causa à saúde e o alto índice de jovens e adolescentes que vêm fazendo uso dessa droga, responsável por elevados índices de internamentos clínicos.

No dia 24 de maio, último dia da festa junina, acontecerá a corrida dos 10 km do Sudoeste. A largada e a chegada serão em frente ao Terraço Shopping. Está prevista a presença de 1.500 atletas.
Autor: Editoria Nosso Bairro
OBID Fonte: Jornal da Comunidade