Um carnaval sem excessos

Pelo sexto ano consecutivo, a banda Alegria Sem Ressaca promete agitar a orla de Copacabana, neste domingo, a partir das 9h.

Criada pelo psiquiatra especialista em dependência química Jorge Jaber, a banda, que conta com apoio da Associação Brasileira de Alcoolismo e Drogas, da Associação de Psiquiatria do Rio de Janeiro e do Sesc, levanta o estandarte do combate ao consumo de álcool e de outras drogas, que aumentam consideravelmente neste período do ano.

— A banda nada mais é do que um projeto de saúde pública e prevenção ao abuso de álcool e drogas. E tudo isso é fruto de um trabalho comunitário e que conta com o apoio de personalidades, exdependentes e seus familiares — explica Jorge Jaber.

Para deixar a festa ainda mais animada, a banda conta com presença da a atriz Luiza Tomé, madrinha do bloco em 2010, e do maestro Quintanilha, do Cordão da Bola Preta, que vai reger os músicos.

— A Luiza, que já passou por alguns dramas familiares ligados à dependência química, não pensou duas vezes quando recebeu o convite para ser a madrinha deste ano, o que nos trouxe muita alegria — conta Jaber.

E as novidades da sexta edição não param por aí: — Para comemorar os resultados positivos da Lei Seca, teremos uma ala composta por integrantes da ONG Trânsito Amigo, criada pelo Fernando Diniz, pai de Fabrício, jovem morto há sete anos num acidente na Avenida Ayrton Senna, na Barra.
Fonte:O Globo/ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)