Síndrome do pânico atrapalha quem tenta parar de fumar

Problema acontece principalmente em pessoas que usam o cigarro para controlar ansiedade.

A síndrome do pânico, que tem como sintoma básico uma sensação enorme de medo sem explicação aparente, pode complicar a vida de quem tenta deixar de fumar. Fumantes acostumados a usar o cigarro como alternativa no controle da ansiedade correm o risco de apresentar o problema.

O empresário Attilio Piraino Filho, por exemplo, sofreu com crises fortes enquanto tentava largar o vício e diz que tinha vontade de “se jogar pela janela” por causa da sensação. A especialista Célia Lídia da Costa diz que o problema está relacionado às concentrações de CO2 (dióxido de carbono) no sangue, mas tem tratamento. Com acompanhamento médico e medicamentos, é possível superar a síndrome do pânico e deixar de fumar.
Fonte:R7/ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)