Anda estressado? Pare de fumar

Pesquisadores dizem que parar de fumar pode ajudar a aliviar o estresse.

Apesar de muitos fumantes jurarem que o cigarro ajuda a manter a calma quando estão ansiosos ou estressados, um novo estudo britânico indica que parar de fumar pode ser muito mais eficaz para amenizar o estresse crônico. E mais: segundo o estudo, o tabagismo pode, em alguns casos, contribuir para o estresse crônico.

Avaliando 469 fumantes que tentavam parar com o vício após serem internados com doença cardíaca, os pesquisadores da Escola de Medicina de Londres descobriram que a crença geral não procede e que parar de fumar pode ser benéfico também nesse sentido. Aqueles que ficaram um ano sem o cigarro tiveram uma redução de 20% nos níveis de estresse percebidos, enquanto os que permaneceram fumando não apresentaram mudanças significativas.

Os autores acreditam que as pessoas mais vulneráveis ao estresse são mais propensas a fumar, e o vício pode, em longo prazo, aumentar o estresse, mesmo que as pessoas sintam que fumar oferece alivio temporário. “Quando fumantes dependentes não podem fumar, com o prolongamento do período sem cigarro, eles tendem a se sentirem mais nervosos, irritáveis e inconformados”, explicaram os autores do estudo publicado na revista Addiction. “Um cigarro ameniza esse estado estressante temporariamente, e isso deve ser a principal razão de os fumantes pensarem que o cigarro alivia o estresse”, concluíram.
Fernando Fischer
Fonte:Sport Life/ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)