A droga em família

A pesquisa demonstrando a influência do meio familiar na relação entre jovens e dependência química, a ser apresentada no 1º Congresso Internacional Crack e outras Drogas, que se inicia hoje em Porto Alegre, fornece um subsídio importante para o enfrentamento do problema.

O alerta do estudo, realizado no México, tem o mérito de chamar a atenção para o fato de que não basta tratar o dependente. É preciso estender as atenções aos familiares, principalmente na hipótese de um deles também não conseguir se livrar de drogas lícitas ou ilícitas, além de visar também a amigos e pessoas próximas, incluindo as da vizinhança.

Certamente, o fato de haver casos de dependência entre os pais não significa que o filho, necessariamente, vá seguir pelo mesmo caminho. Filhos de pais drogados, porém, ou que tenham enfrentado ou sofrido maus-tratos em casa tendem a se mostrar mais propensos à dependência. É o que demonstra o estudo realizado no México, a ser apresentado no encontro promovido pela Associação do Ministério Público, com o apoio do Grupo RBS, no qual fica constatado que violência doméstica e drogas em família costumam provocar danos sérios para crianças e jovens.

Conhecidas as causas, entre as quais se inclui a condição familiar, é importante que as ações do poder público e da sociedade de maneira geral possam enfrentá-las de forma articulada. Mesmo nascida e criada num ambiente propenso à dependência de drogas lícitas e ilícitas, uma criança ou jovem pode sair imune se receber orientação adequada e se contar com alternativas para a prática de esportes e de lazer, que ajudam a fortalecer a autoestima, a criar e a consolidar laços sociais.

A redução de dramas como o alcoolismo e o uso de drogas ilícitas em família é uma questão que precisa ser buscada com base no máximo de informação. Quem quer que esteja engajado nesta luta precisa alertar acima de tudo para os malefícios e para as consequências negativas, tanto para pais quanto para filhos.
Fonte:Zero Hora/ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)