Como deixar o cigarro longe da boca

A prática de exercícios físicos ajuda o corpo a liberar substâncias químicas que dão prazer.

Desta forma, para o fumante, é possível “compensar” a falta da nicotina. Quem fuma deve procurar fazer caminhadas, de preferência em lugares agradáveis. Se não gosta de caminhar, é recomendado algum exercício ou esporte que o agrade, como dança, futebol, corrida ou tênis. O importante é se movimentar.

Se a fome aumentar, não se assuste, é normal um ganho de peso de até dois quilos. Mantenha uma dieta equilibrada com alimentos de baixa caloria, como frutas, verduras e legumes, e evite alimentos gordurosos e doces. Utilize balas ou chicletes dietéticos. Beba sempre muito líquido, de preferência água e sucos naturais. Evite tomar café e bebidas alcoólicas, que induzem ao cigarro. Troque essas bebidas por chá e coquetéis sem álcool (como de frutas e tomate).

Uma informação que anima qualquer um a parar de fumar é saber quanto dinheiro é gasto com cigarro. Faça o cálculo. Depois que você parar de fumar, utilize o dinheiro que economizou e compre um presente para você ou para quem você gosta.

O Inca (Instituto Nacional de Câncer) recomenda que se escolha uma data para ser o seu primeiro dia sem cigarro. Este dia não precisa ser um dia de sofrimento. Faça dele uma ocasião especial e procure programar algo que goste de fazer para se distrair e relaxar.

Hoje há diversas alternativas medicamentosas para ajudar na batalha contra o fumo. Vença o preconceito e procure ajuda. Cuidado com os métodos milagrosos para deixar de fumar.

O Inca também indica alguns exercícios para aliviar a ansiedade de fumar: respire fundo pelo nariz e conte até seis. Depois deixe o ar sair lentamente pela boca até esvaziar totalmente os pulmões.

Outro exercício recomendado é alongar o corpo: estique os braços e as pernas até sentir os músculos relaxarem.

Nas horas em que a vontade de fumar apertar, procure desviar o pensamento para situações boas que você tenha vivido ou queira que aconteça. Tente fechar os olhos e lembrar de uma música que você goste e que lhe acalme.

Quando a vontade falar mais alto, use estratégias como comer uma fruta, escovar os dentes, chupar gelo e beber água gelada. Mantenha as mãos ocupadas com um elástico ou pedaço de papel, rabisque alguma coisa ou manuseie objetos pequenos. Não fique parado – converse com um amigo, faça algo diferente, distraia sua atenção. Saiba que a vontade de fumar não dura mais que alguns minutos.

Preencha seu tempo com algo que você realmente goste de fazer. Dance, pratique jardinagem, cozinhe pratos diferentes, vá ao cinema, ao teatro, aos museus, ouça música, namore, leia, bata papo com os amigos, enfim, faça de tudo para tirar o cigarro da cabeça – e da boca, claro.
Fonte:Saúde Plena/ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)