fbpx

Ameaça de traficantes cancela passeata antidrogas em Curitiba

Encontro foi planejado há três meses e contava com o apoio da Secretaria Antidrogas de Curitiba. Cerca de mil pessoas de várias igrejas participariam

Uma caminhada que estava programada para a tarde deste sábado (15) em combate ao crack foi cancelada por ameaças de traficantes. A passeata que estava programada para as 14h com saída de uma ponte localizada na Avenida Vereador Toaldo Túlio, no São Braz, e chegada na rua Zeferino Pires Barbosa, no Orleans, foi desmarcada. Os moradores de três bairros de Curitiba, incuíndo Sao Braz, Orleans e Jardim Gabineto, na Cidade Industrial de Curitiba, foram impossibilitados de participar do protesto com a decisão.

Cerca de mil pessoas de várias igrejas de Curitiba e região metropolitana iriam participar da manifestação. A manifestação chamada “Drogas Tô Fora” foi programada há três meses e contava com o apoio da Secretaria Antidrogas de Curitiba.

Os moradores sentariam para discutir a questão do crack. Dois deles, que não quiseram se identificar, disseram aos repórteres do telejornal Paraná TV 2º Edição que os organizadores do encontro receberam ameaças de morte por telefone com o pedido para que suspendessem a caminhada. O grupo acatou essa decisão, temendo represálias de traficantes.
Fonte:Gazeta do Povo com informações da RPCTV
Fonte:UNIAD – Unidade de Pesquisa em Álcool e Drogas