Fumantes precisam de dieta rica em antioxidantes e desintoxicantes

Zero Hora
Cigarro promove alterações nas papilas gustativas, o que impede o fumante de sentir os sabores.

As toxinas presentes no cigarro são fortes inimigas do sistema digestivo, do paladar e do olfato dos fumantes. Elas irritam e ressecam a mucosa bucal, alteram as papilas gustativas e podem causar lesões nasais. Além disso, o tabaco pode levar ao aparecimento de úlceras gástricas e duodenais. Hábitos alimentares específicos podem melhorar a qualidade de vida de quem fuma, embora não sejam capazes de eliminar os danos que o tabaco traz à saúde.

Segundo as nutricionistas da Rede Mundo Verde Thais Souza e Natalia Lautherbach, o fumante normalmente modifica seus hábitos alimentares, em função da redução do olfato e do paladar. O resultado é a redução do consumo de vegetais e frutas e o aumento do consumo de sal para realçar o sabor das preparações.

Elas alertam que os hábitos alimentares inadequados são comuns entre os que fumam. O consumo excessivo de café, bebidas alcoólicas, balas e gomas de mascar, na tentativa de eliminar o odor da fumaça, é comum.

As especialistas alertam que alimentos ricos em antioxidantes e desintoxicantes exercem funções de grande importância e devem ser incluídos nos hábitos alimentares dessas pessoas.

— Os antioxidantes protegem as células da ação danosa dos radicais livres, produzidos pelo fumo. Já os alimentos com ação desintoxicante, favorecem a eliminação de toxinas, impedindo o seu acúmulo no organismo — esclarece Thais.

O que incluir na alimentação?

:: Licopeno, pois além de combater o envelhecimento das células, estimula o sistema de defesa do organismo. Fontes são: tomate, melancia e goiaba

:: Sulfarofanos são substâncias capazes de promover a eliminação de substâncias tóxicas do organismo. Podem ser obtidos através do consumo de vegetais crucíferos, como brócolis, couve-flor e repolho

:: Aloe Vera é rica em fibras, vitaminas e minerais antioxidantes. Fonte ainda de aminoácidos e enzimas importantes para o metabolismo. Tem importante papel na saúde digestiva e no processo de desintoxicação

:: Resveratrol é um antioxidante fenólico que atua no combate aos radicais livres. Está presente nas uvas vermelhas, suco de uva e vinho tinto.

:: Epicatequinas, presentes no chocolate amargo (com 70% de cacau), apresentam ação antioxidante.

:: Vitamina C, presente nas frutas cítricas como laranja, acerola, limão e tangerina, também apresenta ação antioxidante.

:: Flavonóides têm ação antioxidante e estão presentes nos chás verde e branco obtidos da planta Camelia sinensis.

:: Vitaminas do complexo B, presentes nos cereais integrais e os minerais zinco e magnésio encontrados na semente de abóbora, castanha de caju, nozes e pistache também auxiliam na proteção das células contra os radicais livres.

:: Alho fornece antioxidantes como a aliina e alicina. Deve ser consumido cru na forma de tempero, por exemplo.

:: Óleo de coco apresenta excelente ação antioxidante, pode ser utilizado em sucos e saladas.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)