Fumo Passivo

Diário do Grande ABC
A Organização Mundial de Saúde (OSM) divulgou recentemente um alarmante índice sobre as vítimas do fumo passivo.

Cerca de 600 mil pessoas morrem por ano no mundo vítimas do tabagismo passivo, sendo que cerca de 165 mil são crianças. Fumante passivo é a pessoa que embora não fume, está exposto à fumaça do cigarro de parceiros, parentes, amigos ou colegas de trabalho. Como as pessoas passam 80% de seu tempo em locais fechados no trabalho, nas residências ou em locais de lazer há grande risco de exposição excessiva a esta fumaça. Esse é o primeiro estudo realizado sobre o tema. Os pesquisadores examinaram dados de 192 países, colhidos a partir do ano de 2004, em que estavam expostos ao fumo passivo 40 por cento das crianças, 33 por cento dos homens não fumantes e 35 por cento das mulheres não fumantes. Isso teria provocado 379 mil mortes por doenças cardíacas, 165 mil por infecções respiratórias, 36,9 mil de asma e 21,4 mil de câncer no pulmão. A isso se somam 5,1 milhões de mortes anuais atribuídas ao uso direto do tabaco.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)