Cresce participação de pessoas da classe média no Alcoólicos Anônimos

D24am
Segundo a psicóloga Lígia Jonhson de Assis, o reconhecimento do alcoolismo como doença pelos profissionais da medicina colaborou para que mais pessoas procurem auxílio em grupos de autoajuda como o A.A.

A maior conscientização sobre os males do alcoolismo tem atraído cada vez mais pessoas da classe média e classe média alta para o grupo de autoajuda Alcoólicos Anônimos (A.A.) no Amazonas, que completa neste ano, 40 anos de atuação. A avaliação é do coordenador da organização no Amazonas, que não pode ter o nome revelado em respeito às normas da organização. “Um dos motivos é a maior conscientização da doença e também como ela afetado a vida de pessoas de todos os níveis sociais”, afirmou o coordenador.

Segundo a psicóloga Lígia Jonhson de Assis, o reconhecimento do alcoolismo como doença pelos profissionais da medicina colaborou para que mais pessoas procurem auxílio em grupos de autoajuda como o A.A. “Não há mais essa história de que estes grupos são voltados apenas para quem está no fundo do poço e que já perdeu tudo na vida”, disse.

Para o coordenador do A.A, o grupo já perdeu a imagem que possuía de ser destinado a pessoas de classe de baixo poder aquisitivo. “Contribuiu para esta mudança, a credibilidade com que nossa instituição ganhou no meio dos profissionais de saúde. Quando as pessoas procuram assistência médica, os enfermeiros e médicos têm recomendado com mais frequência que as pessoas com problemas de consumo excessivo de bebidas busquem ajuda nos grupos de A.A.

A psicóloga Lígia alerta também para a ‘dependência cruzada’ em que os jovens iniciam o uso de bebidas e são levados a usar drogas ilícitas como maconha ou cocaína. “Este é um fenômeno recente que não afetava gerações anteriores. Hoje, acompanhamos uma maior disseminação das drogas e isto tem afetado a curiosidade dos jovens que iniciam a usar bebida”, explicou a psicóloga.

Seminário

No próximo dia 14, o grupo Alcoólicos Anônimos comemora 40 anos de atuação no Amazonas com a realização do 12º Seminário de A.A para profissionais em Manaus, com o tema “40 anos no Amazonas recuperando alcoólicos” que será no auditório da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)