SEJUDH coordena estudos para enfrentar a problemática das Drogas em Mato Grosso

Uma das prioridades da administração do governador Silval Barbosa começa a ser posta em prática no início do mês de maio. Trata-se da criação de políticas públicas para o enfrentamento conjunto (Estado, Municípios e sociedade) das questões que envolvem o uso de drogas em Mato Grosso. Entre os resultados esperados estão a redução nos índices de violência e a preservação da vida, principalmente entre adolescentes.

As ações de construção da Política Estadual sobre Drogas (Pead) serão desenvolvidas pela Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), por meio da Coordenadoria Estadual de Políticas sobre Drogas (Coad), órgão executor do Conselho Estadual de Políticas sobre Drogas (Conen/MT). Serão realizadas por meio de 15 Fóruns Regionais no período de 04 de maio a 11 de novembro e resultarão no Fórum Estadual, que será sediado de 06 a 09 de dezembro na capital mato-grossense.

Conforme a coordenadora e presidente do Coad/Conen-MT, Ana Elisa Limeira, os altos índices de violência, criminalidade e o uso e abuso de drogas vem se agravando no Estado, acrescido ao fator de que Mato Grosso serve de rota e corredor para o comércio e contrabando desses produtos. “Diante da gravidade da questão o tema tem sido prioridade na pauta de discussões, planejamento e desenvolvimento de ações de várias pastas do Governo do Estado”, destaca a coordenadora.

De acordo com Ana Elisa Limeira, a construção da Política Estadual sobre Drogas será traçada sob a perspectiva de integralização das ações, visando alcançar a responsabilidade compartilhada com todos os municípios. Ela explica que se faz necessário um realinhamento do Estado à Política Nacional sobre Drogas e também que se formule uma política adequada à realidade de Mato Grosso.

Na expectativa de contar com o apoio dos municípios e da sociedade civil para a missão, a coordenadora ressalta que a participação dos gestores municipais (da Saúde, Segurança, Educação e Assistência Social), e de outras pessoas e instituições envolvidas com o tema, nas oficinas temáticas que serão desenvolvidas nos Fóruns Regionais será imprescindível para o resultado final dos trabalhos. Nesse sentido, solicita a participação de todos nas discussões que vão oferecer os subsídios para a construção da Política Estadual sobre Drogas. Pede ainda o apoio das prefeituras para a sensibilização da sociedade local e divulgação da realização do evento nas respectivas regiões.
Autor:
OBID Fonte: 24 HORAS NEWS ONLINE