Comissão sobre consumo de bebidas alcoólicas vota requerimentos

Agência Câmara
A comissão especial criada para analisar as causas e consequências do aumento do consumo de álcool nos últimos anos se reúne hoje para votar requerimentos de audiências públicas.

A comissão deverá propor novas políticas públicas para a prevenção e o combate ao alcoolismo.

A comissão foi criada por sugestão do deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP). “O Estado dá muita atenção às drogas ilícitas, mas não atua de forma competente na questão do álcool”, afirma o deputado. Ele cita estatísticas do Centro de Referência de Álcool, Tabaco e Outras Drogas (vinculado à Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo) segundo as quais 40% dos adolescentes e 16% dos adultos que procuram tratamento para o alcoolismo experimentaram a bebida antes dos 11 anos de idade. O deputado acrescenta que, só no estado de São Paulo, 1 milhão de pessoas sofrem de alcoolismo.

A ideia de criar a comissão especial surgiu quando o presidente da Câmara, Marco Maia, rejeitou o pedido de Macris para que fosse instalada uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) sobre alcoolismo. Maia explicou que não havia fato determinado para ser investigado por uma CPI, mas que o assunto poderia ser abordado por outro tipo de comissão.

A reunião será realizada às 14h30, no plenário 5.