Proibição ao fumo agora é em toda a Argentina

O fumo não será permitido em lugares públicos de toda a Argentina, e não apenas em Buenos Aires e algumas províncias, como ocorre atualmente. A decisão foi tomada ontem pela Câmara dos Deputados, depois de já ter passado pelo Senado. A presidente Cristina Kirchner deverá sancioná-la nos próximos dias.

Oprojeto foi aprovado na noite de quarta-feira, por 181 votos a favor, um contra e uma abstenção. O avanço causará situações curiosas. Por exemplo: o cassino que funciona no Rio da Prata fica em Buenos Aires, mas sua área é de jurisdição nacional. Portanto, somente agora o fumo será proibido no local.

– O fato é que a decisão é importantíssima. Na Argentina, o tabaco causa 40 mil mortes anuais e 6 mil mortes por exposição passiva ao tabaco. A Argentina, agora, entra no grupo dos países mais avançados sobre o assunto – afirmou a deputada María Elena Chieno, uma das principais defensoras do projeto.

Pela lei, ficará proibido fumar em empresas ou em qualquer ambiente fechado destinado ao acesso do público. Também fica proibido o patrocínio de marcas de cigarros em todo tipo de atividade ou evento público. Além disso, fica proibida a venda de produtos feitos com tabaco para menores de 18 anos e em escolas, hospitais, escritórios, edifícios públicos, meios de transporte públicos, museus, clubes e salas de espetáculos públicos, como cinemas, teatros e ginásios.
Autor:
OBID Fonte: ZERO HORA-RS