Maus hábitos interferem na qualidade do sêmen

Rede Bom Dia
Pesquisa da FMJ aponta que homens acima do peso, que fumam e bebem têm mais dificuldades para ter filhos.

Cigarro, bebida alcoólica e ingestão de grande quantidade de carne vermelha podem interferir diretamente na qualidade do sêmen e gerar dificuldade para casais que querem ter filhos. A pesquisa, feita pelo Instituto Sapientiae, vinculado ao Fertility (Centro de Fertilização Assistida), em parceria com a FMJ (Faculdade de Medicina de Jundiaí), mostra como a qualidade do sêmen é influenciada pelos hábitos sociais masculinos.

Durante a pesquisa foram entrevistados 250 homens, que foram submetidos a técnicas de fertilização assistida. “Chegamos à conclusão de que o hábito de fumar e o consumo elevado de álcool geram um impacto negativo na fertilidade masculina. Essas substâncias aumentam o estresse oxidativo sistêmico, empobrecendo a qualidade do esperma”, afirmou o médico Edson Borges, especialista em reprodução humana.

Ele também chama atenção para outro hábito que reduz as chances de uma fertilização assistida bem-sucedida: o elevado consumo de carne vermelha e gorduras. “Isso ocorre, especificamente por conta dos efeitos negativos que xenoestrogênios [substância presente nos alimentos semelhante ao hormônio feminino, mas que reduz o número de espermatozóides] e esteróides anabolizantes tóxicos sintéticos presentes em maior ou menor medida nas carnes industrializadas desempenham no sistema reprodutor masculino”, afirma o pesquisador.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)