Venda de bebida alcoólica a menores será coibida no Carnaval

Correio do Estado
Durante toda a reunião foi enfatizada a preocupação de coibir o consumo de substâncias lícitas e ilícitas entre os adolescentes do Estado, uma vez que a dependência na juventude é um problema de saúde e segurança pública.

Consumo de bebidas alcoólicas por adolescentes; Facilidade de menores de idade na compra de bebida em conveniências e bares; danos causados pelo álcool na saúde dos jovens e os riscos que menores alcoolizados oferecem à sociedade foram alguns dos temas pautados na reunião.

Ao final do encontro os participantes se comprometeram em levar os temas abordados às instituições que representam, no intuito de formular planos de trabalhos que farão parte das campanhas educativas e de fiscalização a serem executadas no carnaval.

“Vamos fazer um planejamento de trabalho incluindo principalmente a Policia Civil e a Militar, uma vez que são elas que fazem a fiscalização dos estabelecimentos comerciais”, finaliza o secretário da Sejusp, Wantuir Jacini quanto à preocupação de definir as medidas de combate ao consumo de bebida alcoólica por menores.

Na próxima quarta-feira (15) uma nova reunião deverá ser realizada para formalizar as estratégias de combate a venda e consumo de bebidas alcoólicas por adolescentes. Dessa vez a reunião deverá contar com a presença de membros dos sindicatos de bares e restaurantes e de mercados; escolas particulares e da Secretaria Municipal de Receita (Semre), responsável pela emissão de alvarás para estabelecimentos como bares e conveniências. O local da reunião ainda será definido.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)