Consumo de álcool no Carnaval será fiscalizado

Rede Bom Dia
Agentes estarão em casas noturnas, bares e blocos para verificar se serão vendidas bebidas à menores.

A fiscalização nos bailes de Carnaval, casas noturnas, bares, blocos e trios elétricos será mais intensa neste ano. A Secretaria de Estado da Saúde vai contar com 500 agentes – a maioria à paisana – para verificar se estão sendo vendidas bebidas alcoólicas para menores de 18 anos.

As blitze fazem parte da campanha Álcool Para Menores é Proibido e vão acontecer de amanhã a terça-feira. Nos dias de desfiles no Sambódromo,

A fiscalização também será intensificada em quiosques de praia e nos estabelecimentos de cidades do litoral Sul e Norte.

“Nós vamos direcionar a fiscalização para evitar o consumo precoce e nocivo de bebidas alcoólicas por adolescentes em bailes e outras ocasiões relacionadas ao Carnaval. Estudos apontam que quanto mais cedo os jovens começam a beber, maiores são as chances de desenvolverem dependência química no futuro”, diz Maria Cristina Megid, diretora do Centro de Vigilância Sanitária da Secretaria.

Desde 19 de novembro de 2011 foram feitas 85,7 mil fiscalizações no estado, com aplicação de 604 multas, o que representa índice de 99,3% de cumprimento da legislação. Os estabelecimentos infratores estão sujeitos a multas de até R$ 92,2 mil, interdições e até perda da inscrição no cadastro de contribuintes do ICMS.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)