Prefeitura de São Paulo inaugura centro para viciados em crack perto da Cracolândia

R7
O complexo terá capacidade para atender até 1.200 pessoas por dia.

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMADS), inaugura nesta terça-feira (27), o Complexo Prates, que será um centro especial de acolhimento destinado aos moradores de rua, dependentes do álcool, do crack e de outras drogas, que vivem na região da Cracolândia, no centro da capital paulista. O prédio, em obras desde o ano passado, fica na rua Prates, no Bom Retiro.

Instalado em uma área total de 11 mil m² , o complexo vai oferecer um espaço de convivência para adultos com 3.200 m², e terá capacidade para atender até 1.200 pessoas por dia.

De acordo com a SMADS, o objetivo dos funcionários do local é criar vínculos e conquistar a confiança para que os usuários aceitem os serviços oferecidos. No local, haverá atividades lúdicas, oficinas, biblioteca, jardinagem e, principalmente, psicólogos e assistentes sociais.

O complexo oferecerá também um Serviço de Acolhimento Institucional para Crianças e Adolescentes (Abrigo) com 20 vagas e um Centro de Acolhida para Homens 24 horas, com 120 leitos. Caso a aceitação for maior que as vagas disponíveis, os usuários serão encaminhados para um dos 56 Centros de Acolhida e 132 abrigos da prefeitura instalados em todas as regiões da cidade.

Todos os serviços terão entradas independentes.

Operação Centro Legal

Em janeiro deste ano, a polícia iniciou uma operação para acabar com a concentração do usuários de crack em algumas ruas do centro da capital. Desde então, quase 400 pessoas foram internadas para tratamento por dependência química. Nesse período, também foram feitas 40.856 abordagens sociais, de saúde e por guardas municipais.

A PM prendeu mais de 300 pessoas no local e recapturou mais de 80 fugitivos.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)