SP: projeto veta fumo em parques e praças

Band
O projeto, criado pelo vereador Ricardo Teixeira, afirma que não é compatível praticar esportes com fumantes ao lado.

Um projeto de lei quer proibir o consumo de cigarros em qualquer área livre onde os frequentadores pratiquem esportes.

Vereadores de São Paulo estão discutindo a medida que afetaria parques e praças da cidade. A lei ainda não foi votada, mas já há previsão do valor da multa: será cobrado R$ 1 mil de quem fumar nos locais proibidos. Em caso de reincidência, o valor dobrará.

Promotores de eventos em áreas livres também podem ser autuados em caso de desrespeito. O projeto foi criado pelo vereador Ricardo Teixeira (PV), que justifica a medida afirmando que “não é compatível praticar esportes ou passear com pessoas fumando ao seu lado”.

O projeto ainda passa por comissões da Câmara Municipal e, se aprovado em todas, será levado para votação no plenário. A proposta também prevê que a prefeitura ofereça assistência terapêutica e remédios para os fumantes que quiserem abandonar o vício.

Fiscalização

A Secretaria de Estado Saúde fechou na última quinta-feira, por 48 horas, uma lanchonete em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo. O local foi alvo pela terceira vez da fiscalização da lei anti-fumo.

O comércio foi o terceiro estabelecimento paulista fechado por dois dias desde que a lei que proíbe o fumo em locais fechados entrou em vigor, em 2009.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)