Para médico, prevenção às drogas começa em casa

Folha da Região
Criada há menos de um ano, a Coordenação de Políticas sobre Drogas do Estado de São Paulo (Coed) procura investir não só em tratamentos, mas em prevenção para evitar o acesso das pessoas aos entorpecentes.

O órgão é subordinado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania. O coordenador do núcleo, o médico Luiz Alberto Chaves de Oliveira, bastante conhecido como Laco, afirma que, para acabar ou diminuir com o problema, “a prevenção começa em casa”.

Segundo ele, não só drogas como maconha, cocaína e crack fazem mal. O álcool também. “Começa com um churrasco em casa, uma festa da igreja, um evento. É um problema complexo e essa complexidade tem que ser compreendida e trabalhada”, afirma. Laco esteve sexta-feira em Araçatuba para participar do Encontro Regional de Políticas sobre Drogas, realizado na Câmara Municipal. Além dele, outros palestrantes falaram sobre o problema.

Araçatuba foi a quarta cidade a participar do encontro, promovido pela Câmara em parceria com a Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania. Entre as ações promovidas pela Coordenação, está a lei antiálcool para menores, que entrou em vigor ano passado. Laco foi também um dos responsáveis pela Operação Cracolândia, no início deste ano, em São Paulo.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)