Prefeitura testa programa de combate às drogas

Diário de São Paulo
Sorocaba terá uma semana para debater o tema com atuação de diversas entidades em vários pontos da cidade.

O dia 26 de junho é o Dia Internacional de Combate às Drogas e ao invés da Prefeitura de Sorocaba realizar evento de um dia preferiu, neste ano, realizar uma semana com diversas atividades. Para isso, foi aberto um edital, pelo qual diversas instituições da cidade, que lidam com usuários de drogas, para orientar os populares.

Até o dia 30 deste mês, o Conselho Municipal sobre Drogas atuará por meio dessas entidades no Parque dos Espanhóis (Vila Assis), na Praça Coronel Fernando Prestes (centro da cidade) e no Parque Carlos Alberto de Souza, no Campolim, na Zona Sul das 9h às 21h.

A responsável pelo Conselho, Maria Clara Schnaidman Suarez, explica que cada entidade (Viva, Conselho da Mulher, Centro Terrapêutico Araçoiaba, CDP, Recanto Renascer e Conseg) terá um horário disponível nesses locais determinados. “Se obtivermos bons resultados faremos essa Semana nos anos seguintes”, diz.

A 1ª Semana Internacional de Combate às Drogas, conforme Maria Clara, contará com abordagem das pessoas e distribuição de material informativo . Além disso, “será feito um trabalho de conscientização deste grave problema social e de saúde pública que é a dependência química, informando os diversos níveis de gravidade, como identificar casos na família ou amigos, as alternativas de tratamento e esclarecimento de dúvidas apresentadas pela população”, ressalta.

Nesta segunda-feira (25), no Campolim, a entidade Viva atuará das 8h às 11h e das 16h, às 18h. Na praça Coronel Fernando Prestes, a entidade Viva, ficará das 9h às 15h, o CDP Carpe Die, das 10h às 15h e o Centro Terapêutico, das 16h às 18h. Já no Parque dos Espanhóis a entidade Viva fica disponível para o trabalho de conscientização, das 8h às 12h e das 16h às 18h.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)