Ministro empossa novos conselheiros

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, deu posse na manhã desta terça-feira, 28, a três novos integrantes do Conselho Nacional sobre Drogas (Conad). O mandato é de no mínimo dois anos e no máximo quatro. Ao todo o Conad tem 27 conselheiros.

O ministro é o presidente do Conad, que tem por finalidade acompanhar a execução da política nacional sobre drogas, dar orientação normativa para prevenção ao uso de drogas, reinserção de usuários e repressão ao consumo e ao tráfico de drogas.

Durante a cerimônia, Cardozo falou da importância do Conad na prevenção e acolhimento de dependentes químicos, e também no combate as drogas no mundo. “A discussão sobre drogas no mundo alterou e um dos tabus que está ruindo é o uso da repressão como forma de combater o problema das drogas”.

Os novos conselheiros aproveitaram a oportunidade para sugerir pautas. Dentre elas, estão iniciativas de diálogos e prevenção a drogas em grandes espetáculos que acontecem no Brasil. Roberto Tykanori falou sobre as ações do Plano de Enfrentamento ao Crack. Segundo ele, haverá até o final desse ano, 65 Centros Regionais de Referência em todo o país. Criado em âmbito universitário, esses centros capacitam presencialmente funcionários da saúde que lidam diretamente com o problema.
Autor:
OBID Fonte: ACS – Ministério da Justiça