Pais fumantes, crianças em risco

R7
Crianças transportadas em veículo de motorista fumante eleva em até 30% sua exposição diária a poluentes em suspensão no ar.

É o que constatou estudo desenvolvido por pesquisadores da Universidade da Califórnia, publicado no Tobacco Control. A pesquisa consistiu em medir os níveis de poluentes (material particulado, hidrocarbonetos aromáticos, monóxido de carbono e de nicotina) no interior de um carro parado, onde um voluntário fumou três cigarros no período de uma hora.

As medições foram realizadas no banco de trás, na altura de uma criança, em dois momentos: com as janelas da frente completamente abertas e com abertura de dez centímetros. A qualidade do ar fora do carro também foi avaliada.Verificou-se que o nível de poluentes dentro do carro, independentemente da posição das janelas, foi três vezes maior do que o observado no exterior, semelhante ao observado em restaurantes e bares onde o fumo é permitido.O estudo chama a atenção para o fumo passivo ao qual estão expostos os filhos de fumantes, em casa e em veículos. Poucos países (Austrália, África do Sul, Canadá e Emirados Árabes) têm legislação que proíbe o fumo em automóveis com crianças.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)