Prevalência do uso de drogas entre professores do ensino médio

Prevalence of drug use among high school teachers
Shirley Suely Soares Veras Maciel1; Wamberto Vieira Maciel2; Joseleide Maria da Silva3; Laureana de Vasconcelos Sobral4; Helení de Vasconcelos Sobral5; Henrique Caballero Steinhauser6; Líbia Augusta Maciel Gondim7

O consumo indevido de drogas lícitas e ilícitas é um sério problema de saúde pública que atinge de forma preocupante todos os países do mundo. Atualmente, a Organização Mundial de Saúde (OMS) considera que o uso de drogas é um problema crescente, tanto em países desenvolvidos como nos que estão em desenvolvimento e as consequências negativas desta situação se manifestam com uma ampla quantidade de problemas de saúde, sociais, econômicos e familiares (1).

O abuso e a dependência de drogas ameaçam os valores políticos, econômicos e sociais, além de contribuirem para o crescimento dos gastos com tratamento médico e internação hospitalar, assim como elevam os índices de acidentes de trânsito, de violência urbana e de mortes prematuras (2).

A droga é um problema social que afeta particularmente os jovens. Dessa maneira, a escola é tida como um dos pilares na prevenção da toxicodependência. neste processo, os professores desempenham papel determinante, através das suas concepções e práticas na abordagem à problemática das drogas.
Leia Artigo na Íntegra
Fonte:UNIAD – Unidade de Pesquisa em Álcool e Drogas