Ciclo de estudos em crack e outras drogas tem inscrições abertas na Escola de Enfermagem da UFMG

Universidade Federal de Minas Gerais
Neste ano de 2013, a Escola de Enfermagem da UFMG vai abrigar sete encontros do Ciclo de Estudos em Crack e Outras Drogas – Belo Horizonte/Minas Gerais

Gerais. O evento é gratuito e aberto ao público, que deve fazer inscrição até o início do ciclo. A série será aberta no dia 12 de março, às 14h, e pretende promover a reflexão sobre as perspectivas e construção de um novo paradigma para enfrentamento do uso abusivo de drogas. Os outros encontros serão realizados nos dias 9 de abril, 23 de abril, 14 de maio, 28 de maio, 11 de junho e 9 de julho.

Para se inscrever, o interessado deve enviar, até a data de início do ciclo, e-mail para o endereço eletrônico cicloestudoscrack@gmail.com, informando o nome completo, filiação institucional, profissão ou formação, se é aluno ou profissional, e-mail e telefone de contato. Para emissão de certificado, o participante deve pagar uma taxa de R$5 no Centro de Extensão (Cenex) da Escola de Enfermagem.

O evento objetiva refletir sobre as perspectivas de emergência de uma sociedade que está aprendendo a lidar com o abuso de crack e outras drogas, no sentido de evidenciar, teoricamente, a necessidade de um novo paradigma de enfrentamento do tema, prospectando alternativas factíveis de organização social e econômica, capazes de contribuir para as políticas de saúde para a área.

Temas

Para abordar o primeiro tema, Políticas públicas e rede de atenção a usuários de drogas, no dia 12 de março, foi convidada a professora Ana Regina Machado, analista de Educação e Pesquisa em Saúde do Grupo de Produção Temática em Saúde Mental da Escola de Saúde Pública do Estado de Minas Gerais. Ela é tutora da Residência Multiprofissional em Saúde Mental da Escola de Saúde Pública de Minas Gerais e da Secretaria Municipal de Saúde de Betim. Tem experiência na área de saúde coletiva, com ênfase em atenção ao uso prejudicial de álcool e outras drogas e em saúde mental.

Os demais temas que serão abordados ao longo do ciclo são Estigma e uso de substâncias: obstáculo à detecção, prevenção e tratamento; A rede de saúde na assistência a usuários de álcool e outras drogas; Estratégias de redução de danos; Recursos da comunidade para lidar com o uso abusivo e a dependência de álcool e outras drogas; A participação da família na prevenção e no tratamento de dependência de álcool e outras drogas; A pesquisa na área de uso de álcool e drogas; Sofrimento mental e uso de drogas.

A organização do evento é do Centro Regional de Referência em Crack e Outras Drogas, Escola de Enfermagem da UFMG e Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad), do Ministério da Justiça.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)