OMS diz que elevação dos impostos sobre o tabaco evita milhões de mortes

Um estudo da Organização Mundial de Saúde (OMS) indica que 7,4 milhões de mortes prematuras por tabaco serão evitadas em 41 países até 2050 graças às medidas de controlo adotadas entre 2007 e 2010, tais como o aumento dos impostos.

Um aumento de 75% nos impostos sobre o tabaco evitaria quase metade das 7,5 milhões de mortes prematuras pelo tabagismo, de acordo com o estudo. Já a indústria tabaqueira diz que os ajustes nos impostos não têm relação direta com uma diminuição do consumo e apenas incentivam o tráfico ilegal.

No entanto, o artigo científico publicado no boletim da OMS indica que uma subida até 10 por cento do preço real do tabaco provoca uma redução entre 4 e 18 por cento do número de consumidores.
Autor:
OBID Fonte: A BOLA